categorias

Image Map

22 de fevereiro de 2016

VOU CASAR E AGORA?



Você sonhou a vida inteira em se casar, com um pedido de casamento dos sonhos, uma cerimônia igual aos contos de fadas, e enfim, este grande dia chegou. Você vai se casar! Mas e agora por onde começar?  Calma! Não fique desesperada, é difícil mesmo no começo planejar o casamento, são muitas coisas para resolver, fechar e pagar. 


Aqui no Casar é Bom, separei dicas valiosas para ajudar você noivinha que já está desesperada e roendo unhas! Rsrsrs.

  • ORÇAMENTO E PRIORIDADES (de 8 á 12 meses antes)

Esse primeiro item é o mais importante, os noivos em comum acordo precisam definir quanto podem e irão gastar com o casamento, se vão fazer cerimônia e festa, ou somente a cerimônia. Se o casamento será em igreja ou ao ar livre. Faça uma lista com itens que são essenciais para o seu casamento, e vá descartando caso a grana esteja curta, os itens que não tem necessidade. E lembre-se que além dos gastos com a cerimônia, também tem a lua de mel e a moradia. 

Tenha uma conversa transparente com o seu noivo, coloquem no papel a quantia que cada um vai poder dar para o casamento, se vocês terão apoio financeiro dos pais, familiares, amigos etc. Depois de chegarem a um acordo, e saberem qual o valor total a ser pago pelo casamento, mãos a obra.

  • ESCOLHA DA DATA E LOCAL (8 á 12 meses antes)

Faça uma lista com antecedência dos lugares onde vocês gostariam de se casar pois, dependendo do local, é difícil conseguir agendar uma data. Principalmente em cidades grandes onde á procura é maior.

  • UMA DIFÍCIL TAREFA: A PRIMEIRA LISTA DE CONVIDADOS (8 á 12 meses antes)
Estejam preparados para fazer pelo menos 3 três listas de casamento, até ter a definitiva. A primeira será bem maior, se tiverem dificuldades, peça ajuda dos familiares e amigos. Cada local comporta um número convidados, é inevitável ter que tirar algumas pessoas da lista. Pense se é realmente necessário ter certas pessoas no dia mais especial da sua vida. O ideal é convidar quem realmente faz parte da sua vida, conhece e gosta dos noivos. Convidar pessoas que você não vê há anos, nem tem mais contato, já passe um pente fino nesses. Rsrsrs! Aproveitem nesse momento para  escolherem os  possíveis padrinhos.

  • CONTRATE UMA CERIMONIALISTA (8 á 12 meses antes)
Conheci noivas que questionavam se era importante ter uma cerimonialista. Eu sempre digo que sim, muitas queriam economizar achando que dariam conta de fazer tudo, e no decorrer dos meses já estavam estressadas, exaustas e até descabeladas. Rsrsrs! Não é um serviço barato de cerimonialista (os bons),  não contrate qualquer um pois, você vai passar raiva!

A cerimonialista será seu braço direito durante todos os meses de preparativos e até no dia do casamento. Existem dois tipos de cerimonial o completo e o parcial. Na época que casei optei pelo cerimonial completo, não queria me sobrecarregar e ficar estressada. Fui uma noiva bem tranquila e feliz! 

No serviço completo a cerimonialista tem a função de de fazer todo o planejamento da cerimônia, acompanha nos mínimos detalhes a organização da cerimônia e festa, e até ajuda na escolha dos fornecedores.

Já no serviço parcial a cerimonialista estará presente somente no momento da festa e cerimônia. Os noivos terão que colocar a mão na massa, e correr atrás dos fornecedores.


  • CONTRATANDO OS FORNECEDORES (de 6 á 8 meses antes)
Faça isso com antecedência. Se olhar muito em cima da hora pode correr o risco de não contratar aquele buffet, salão de festas ou decor que você tanto queria. Pesquise fornecedores que irão oferecer o que vocês tanto desejam para deixar o casamento com a cara dos noivos. Procure saber a procedência da empresa, para evitar transtornos desagradáveis, leia os contratos com atenção, fale aberta o que vocês querem e esperam da empresa contratada.

  • PESQUISE O ESTILO E  O TEMA DE CASAMENTO QUE VOCÊS DESEJAM (de 6 á 8 meses antes)
O quanto antes, pesquise o tema que vocês querem no casamento. A identidade visual da cerimônia é muito importante. Algo que tenha a ver com a história dos noivos, gostos e estilo.  Por isso é tão importante a escolha dos convites, neles o convidado terá uma ideia de como será o estilo da cerimônia. Por exemplo, se o seu casamento for ao ar livre em um lindo sítio, o convite tem que remeter a esse estilo, um convite rústico com flores por exemplo, e arranjos de mesa com flores naturais. Já se a cerimônia for  em um buffet elegante e chique, e a noite, pede um convite mais elaborado, chique com pérolas ou strass.
Se você não sabe por onde começar e não tem ideia de qual estilo escolher, hoje em dia existem vários sites e blogs  com dicas e imagens inspiradoras que te ajudam a escolher o estilo ideal. O Casar é Bom é um deles! Rsrsrs.
  • QUANDO ENTREGAR OS CONVITES ( de 2 á 3 meses antes)
O ideal é entregar os convites de 2 á 3 meses, antes do casamento. De preferência pessoalmente, é mais elegante. Eu sei que nos últimos meses é uma correria, os noivos ficam desesperados com tantas coisas para resolverem. Minha sugestão para os noivos que estão sem tempo pra entregar pessoalmente os convites. Aproveitem reuniões familiares ou encontro com os amigos, para entregar em grandes quantidades os convites, e com certeza vocês terão que tirar as famosas dúvidas: qual o traje, endereços, se tem que confirmar presença, se será exigido o convite individual para entrar no casamento, etc.

  • CHÁ DE PANELA _ QUANDO FAZER? ( de 2 á 3 meses antes)
Existem outros tipos de chá além do tradicional chá de panela. Tem o chá de casa nova, chá bar, chá lingerie, chá de ferramentas etc.
O bom desses eventos além de ganhar presentes, quem não gosta? é também reforçar para os convidados que o casamento está chegando. Vai que tem algum esquecidinho né! Rsrsrs.
O chá geralmente acontece cerca de 2 ou 3 meses antes do casamento. Quando me casei entreguei os convites do chá de panela, juntamente com os convites do casamento. (isso facilitou a minha vida).

Para organizar o chá não é necessário a ajuda da cerimonialista. Peça ajuda das amigas, mãe, tias e primas. E uma dica muito importante nunca convide pessoas para o seu chá, que não foram convidadas para o seu casamento. (isso é de extremo mal gosto). Se a grana está curta, prefira fazer um chá mais reservado somente com os pais dos noivos e padrinhos por exemplo.


  • CASAMENTO CIVIL ( 1 mês antes)
O casamento civil é bem burocrático, por isso o ideal é marcar com pelo menos 30 dias de antecedência antes do casamento religioso. Se a noiva for acrescentar o sobrenome do noivo, é mais burocrático ainda. Vocês precisam estar com os documentos em dia, e já escolham as testemunhas. É uma celebração curta e não precisa de muitos planejamentos, os cartórios geralmente são pequenos e não comportam muitas pessoas. Escolha somente os pais dos noivos, irmãos, amigos mais chegados e avôs. Não existe uma regra tem casais que se casam no civil meses antes da cerimônia religiosa. Foi o meu caso, eu e meu esposo nos casamos no civil em fevereiro, e no religioso em julho do mesmo ano. Se os noivos não querem aquela correria toda, casar no civil um dia antes do casamento religioso, escolham uma data especial por exemplo o dia em que começaram a namorar, quando se conheceram ou até mesmo o dia do noivado.

  • IMPREVISTOS ACONTECEM
Os noivos precisam estar preparados para o plano B. Pode acontecer de não dar certo o que vocês planejaram desde o início. Por exemplo para quem vai se casar ao ar livre, sempre existe o risco de chover, e os noivos precisam de um plano B. Eu casei em sítio, morri de medo de chover, um dia antes o tempo estava horroroso, nublado e com muita ventania. Com a ajuda das cerimonialistas já deixamos tudo no jeito, caso chovesse, teríamos que alugar tendas. Convidados podem ligar dizendo que não irão, padrinhos que de última hora não vão conseguir prestigiar os noivos. 







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Página Anterior Próxima Página Home